Você vai chorar quando ouvir o áudio do VAR no Botafogo x Fluminense

“O jogador do Fluminense pisa no tornozelo, porém é uma ação contínua do chute que ele erra.” – essa foi a fala do VAR. O lance em questão foi o que originou muita reclamação da torcida do Botafogo e até mesmo de John Textor.

Eram apenas 10 minutos de jogo do confronto entre Botafogo e Fluminense pelo Campeonato Brasileiro quando Martinelli, volante do clube das laranjeiras deu uma entrada desleal em Gregore. O juiz mostrou o amarelo, o lance foi revisado mas o cartão não foi alterado.

Rapidamente, John Textor já publicou em suas redes sociais um relatório feito pela empresa “Good Game!” que o tem auxiliado nas provas de que há manipulações de resultados no futebol brasileiro. No entanto, as reclamações não serviram de nada.

Botafogo prejudicado

O jogo seguiu normalmente, o Fluminense com a vantagem de ter um jogador que deveria ter sido expulso e o Botafogo, mais uma vez, prejudicado. No segundo tempo, Bastos fez o gol da vitória e deu números finais a partida, mas isso não apaga o erro da arbitragem.

Participe agora do nosso grupo exclusivo do Whatsapp, Telegram ou acesse nossas comunidades.

A mesma que parece escolher critérios a serem utilizados. Como muitos jogadores costumam falar dentro de campo: “sem querer também é falta”. Por conta disso, o atleta deveria ter sido expulso por força excessiva, colocando em risco a integridade física de Gregore.

O áudio do VAR revolta ainda mais o torcedor por saber que o lance foi revisado e que apenas o cartão amarelo foi mantido. Diversos comentaristas de arbitragem defenderam a ideia de que o lance era claro para expulsão.

Confira a conversa no link!