Tiago Nunes confirmou: Botafogo deve abrir mão do clássico contra o Vasco

O técnico Tiago Nunes está ponderando a possibilidade de poupar titulares do Botafogo no aguardado clássico contra o Vasco, marcado para o próximo domingo (18), no Estádio Nilton Santos. 

A decisão se deve à estreia iminente da equipe na Libertadores, prevista para a próxima quarta-feira (21), diante de Aurora ou Melgar, em uma partida desafiadora pela altitude de Cochabamba ou de Arequipa. Para saber mais detalhes acompanhe as informações a seguir no Portal do Botafoguense.

Tiago Nunes considera poupar Titulares do Botafogo em clássico contra o Vasco devido à Libertadores

Em coletiva de imprensa, Nunes destacou a dificuldade da sequência de jogos e lamentou os pontos perdidos nas competições locais, enfatizando a necessidade de um planejamento estratégico. 

“Agora temos que lidar com essa questão do jogo a jogo, ter o planejamento também para o jogo que teremos na altitude, um jogo duríssimo independentemente do adversário”, afirmou o técnico.

Participe agora do nosso grupo exclusivo do Whatsapp, Telegram ou acesse nossas comunidades.

O treinador expressou a importância de consultar o departamento médico, a preparação física, a fisiologia e até mesmo os jogadores para decidir quem pode suportar a sequência de partidas. 

“Não podemos arriscar perder por lesão mais nenhum jogador. Temos que ter um grupo muito equilibrado que consiga entrar em performance e ao mesmo tempo manter regularidade”, acrescentou Nunes.

O Botafogo enfrenta problemas com lesões desde o início da temporada, já tendo perdido alguns jogadores importantes. John, Marçal, Jacob Montes e Jeffinho estão entre os desfalques, e o time agora corre o risco de ficar também sem Luiz Henrique, que foi substituído no último jogo com dores na panturrilha.

Diante desse cenário desafiador, a decisão de poupar titulares contra o Vasco visa não apenas preservar os jogadores para o confronto da Libertadores, mas também garantir a competitividade e a consistência ao longo da temporada.