Perfil conseguiu adivinhar quais seriam os novos reforços do Botafogo

Desde quando a SAF chegou no Botafogo, John Textor fez questão de implementar um setor no clube que praticamente todos os clubes da Europa tem, mas não é muito comum no Brasil. O setor de Scout analisa a fundo jogadores que podem ser úteis para os clubes.

Nessas análises são levadas em consideração a idade, o potencial de crescimento, chances de lesões, como o jogador costuma se movimentar e muito mais. Assim, os clubes conseguem ter uma maior assertividade na hora das contratações.

Porém, fora dos clubes também existem perfis nas redes sociais que também fazem isso, como é o caso do perfil ‘Fogostats”, que trabalha com estatísticas e análises sobre o Botafogo de Futebol e Regatas, assim como diz o perfil da página no X, o antigo Twitter.

Botafogo sendo analisado

O mais interessante de toda essa análise feita tanto pelo clube quanto pelo perfil, é que três dos quatro reforços que o Botafogo contratou para a temporada, foram citados e analisados pela “Fogostats”, algo que pode ser coincidência ou não.

Participe agora do nosso grupo exclusivo do Whatsapp, Telegram ou acesse nossas comunidades.

Quando o trabalho é bem feito os clubes costumam analisar e na maioria das vezes dar créditos a quem realiza as análises, algo que se aconteceu, deve ter sido dado. Dessa maneira, o clube cada vez mais encontra profissionais capacitados e qualificados.

O perfil ainda tem a esperança de que mais nomes citados por eles como opções para o Botafogo possam fechar com o clube, afinal, se são úteis, é porque agregam em setores carentes e que necessitam de atenção.