Essa foi a melhor dupla de ataque do Botafogo nos últimos anos

Os anos de glória do Botafogo foram marcados por uma dupla de ataque inesquecível: Germán Herrera e Loco Abreu. Entre 2010 e metade de 2012, os dois jogadores estrangeiros encantaram os torcedores alvinegros com suas performances memoráveis.

Germán Herrera, atacante argentino, deixou claro em uma declaração emocionante em 2020 que sua melhor parceria de ataque foi com o uruguaio Loco Abreu durante seus dias no Botafogo. Para saber mais detalhes acompanhe as informações a seguir no Portal do Botafoguense.

Nostalgia no ar: dupla estrangeira de ataque no Botafogo é lembrada com carinho por ex-Jogadores

Em uma entrevista a um portal argentino, Herrera não apenas relembrou os momentos de sucesso ao lado de Abreu, mas também elogiou o goleiro Jefferson, destacando a importância da equipe na sua carreira.

Além do Botafogo, Herrera teve passagens marcantes por Corinthians, Grêmio e Vasco no Brasil. Chegou ao país pela primeira vez em 2006 e considera ter sido um dos pioneiros na abertura de portas para jogadores argentinos.

Participe agora do nosso grupo exclusivo do Whatsapp, Telegram ou acesse nossas comunidades.

Por outro lado, Loco Abreu, famoso por sua personalidade vibrante, deixou o Botafogo em 2012 para jogar no Figueirense, onde ficou até o final daquele ano. Em um episódio que ficou na memória dos torcedores, durante um jogo contra o Flamengo no Orlando Scarpelli, Abreu provocou a torcida rubro-negra ao beijar o escudo do Botafogo que tinha por baixo do uniforme de jogo. A ação resultou em uma suspensão de duas partidas determinada pelo Superior Tribunal de Justiça Desportiva (STJD).

Para os fãs do Botafogo e amantes do futebol brasileiro, a dupla Herrera e Abreu sempre será lembrada como uma das mais eficientes e carismáticas da história recente do clube, trazendo momentos de glória e muita emoção aos gramados brasileiros.